By Esgotecnica / Manutenção / 0 Comments

Disjuntor não passa corrente: o que o eletricista deve fazer

O disjuntor é uma das peças mais importantes na instalação elétrica. Ele é considerado um dispositivo de segurança, capaz de desarmar quando alguma coisa está errada com a rede elétrica em relação a capacidade de corrente.

Quando há um superaquecimento da rede ou uma corrente mais alta do que o que é suportado pelo sistema, ele desarma e corta a passagem de eletricidade. Sem o disjuntor, a rede pode ter uma falha crítica, derretendo fios e podendo causar incêndios.

A falta de um disjuntor é mais do que perigoso, também é completamente ilegal de acordo com as normas de seguranças que regram a construção de residências e outros imóveis.

Ou seja, o disjuntor existe para proteger a instalação elétrica de uma eventual pane. Existem muitos motivos que causam um desarme, mas o mais comum é a sobrecarga de corrente.

Confira o nosso artigo, preparado pela Esgotecnica para esclarecer as dúvidas de muitos de nossos clientes e leitores.

Disjuntor não passa corrente – O que deve ser feito?

O disjuntor, quando parece não passar corrente, mas não está desarmado, é preciso fazer algumas verificações antes de tentar dar precisão sobre o problema. Bom, o que o eletricista deve fazer primeiro é verificar se a corrente está chegando até o disjuntor.

Isso é feito com um multímetro, ou então com o uso de uma chave teste, dependendo da preferência do eletricista. Ao constatar que a corrente chega até o disjuntor, não é hora de trocar a peça. O eletricista deve verificar se a corrente realmente não sai do equipamento.

Para fazer a verificação é feito o mesmo procedimento que foi feito na entrada. Usa-se o multímetro ou uma chave teste para saber se a corrente está realmente saindo do disjuntor. O problema pode realmente estar do “disjuntor para frente”, em algum fio.

Se a corrente não está saindo do disjuntor, então podemos determinar que ele apresenta defeito.

A partir desta constatação, existe apenas um procedimento a ser realizado pra resolver o problema. É necessário realizar a troca do disjuntor que apresenta defeito.

Os maiores inimigos dos disjuntores

O disjuntor para de passar corrente por defeitos dentro do sistema de funcionamento. O defeito pode ser de fábrica, mas na maioria das vezes ele acontece com o tempo por causa do mau uso e de alguns cuidados que não foram tomados.

Para deixar de ter problemas com disjuntor que não passa corrente, você precisa identificar quais são os problemas que mais estragam esses equipamentos de segurança.

Sobrecarga do sistema

A sobrecarga do sistema elétrico é a principal causa de problemas de longa data nos disjuntores. Como explicamos, o disjuntor é desenhado para desarmar sempre que há um aumento da corrente no sistema elétrico. Se o problema durar por muito tempo sem uma solução, eventualmente o disjuntor acabará quebrando e vai necessitar de trocas constantes.

A sobrecarga, na maioria das vezes, acontece por dimensionamento errado as bitolas. Um lugar muito comum para esse defeito é o banheiro por conta do chuveiro elétrico. Alguns chuveiros exigem muito mais energia para funcionar do que outros equipamentos, é possível que a fiação do imóvel não esteja pronta para a carga exigida.

Isso é ainda mais comum em prédios e casas mais antigas. Por isso é recomendado sempre contar com a opinião de um eletricista para determinar se a bitola ou se os disjuntores vão precisar de atualização antes da instalação de um novo equipamento.

Equipamentos defeituosos e curtos

Equipamentos com defeito ou curtos nos fios, tomadas e interruptores também pode levar ao superaquecimento da rede e dano no disjuntor com o tempo. Observe se o disjuntor apresenta comportamento estranho quando alguém equipamento ou luz é ligado. Caso note algum problema, desligue tudo na área afetada e procure um profissional.

As vezes o defeito pode estar no próprio disjuntor. Se o parafuso que segura o fio estiver solto, isso é o suficiente para causar superaquecimento e o desarme do equipamento. Problema que apenas um simples reaperto por consertar.

Conte com a Esgotecnica para te ajudar

A Esgotecnica conta com os melhores eletricistas de São Paulo e região em um atendimento 24h para garantir que a qualquer momento você possa ter o reparo do disjuntor para não ficar no escuro ou perder produtos em geladeiras e freezers.

Esse tipo de emergência nunca tem hora marcada e pode acontecer a qualquer momento. Por isso você precisa contar com uma empresa séria e com atendimento rápido a qualquer momento.

Você encontra essas soluções na Esgotecnica! Entre em contato com a gente e conheça mais sobre nossos serviços e soluções. A qualquer hora do dia estaremos prontos para te atender, com frota própria para agilizar a visita dos nossos técnicos.

Ao confiar na Esgotecnica você garante um serviço eficiente e ágil para resolver o seu problema com disjuntores e qualquer outra parte da rede elétrica.